David Card, Joshua Angrist e Guido Imbens ganham Nobel de Economia 2021

Pesquisadores foram premiados por estudos no mercado de trabalho.

9

David Card, Joshua D. Angrist e Guido W. Imbens foram premiados nesta segunda-feira (11) com o prêmio Nobel de Economia 2021.

Os laureados forneceram novos insights sobre o mercado de trabalho e mostraram as causas e efeitos que podem ser tirados de situações da vida real. As metodologias criadas pelos pesquisadores têm sido amplamente usadas por pesquisadores que trabalham na área.

De acordo com a Real Academia de Ciências da Suécia, “os economistas revolucionaram a pesquisa empírica nas ciências sociais e melhoraram significativamente a capacidade da comunidade de pesquisa de responder a perguntas de grande importância”.

David Card recebeu o prêmio por suas contribuições empíricas para a economia do trabalho. Já Joshua D. Angrist e Guido W. Imbens foram laureados por suas contribuições metodológicas para a análise das relações causais.

Usando experimentos naturais, David Card analisou os efeitos do salário mínimo, da imigração e da educação no mercado de trabalho. Em um exemplo, David Card e o pesquisador já falecido Alan Krueger usaram um experimento natural para investigar como o aumento do salário mínimo afeta o emprego.

Os pesquisadores receberão um prêmio em dinheiro de 10 milhões de coroas suecas (US$ 1,1 milhão) – metade vai para David Card e a outra metade para Joshua Angrist e Guido Imbens, porque a premiação é pelo estudo.

Ilustração mostra os vencedores do Prêmio Nobel de Economia de 2021: David Card, Joshua D. Angrist e Guido W. Ibens — Foto: Divuglação/Real Academia Sueca

Ilustração mostra os vencedores do Prêmio Nobel de Economia de 2021: David Card, Joshua D. Angrist e Guido W.

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA